Porto de Santos segue líder nos embarques da soja de MT
CI
Agronegócio

Porto de Santos segue líder nos embarques da soja de MT

60,8% do volume embarcado saiu da cidade paulista
Por:
Das 10,259 milhões de toneladas de grãos enviadas para o exterior até agosto deste ano, 60,8% do volume saiu da cidade paulista; Porto de Paranaguá (PR) concentrou 10,4%


O Porto de Santos (SP) segue na liderança dos embarques da soja em grão de Mato Grosso em 2012. Das 10,259 milhões de toneladas (t) de grãos enviadas para o exterior até agosto, 60,8% do volume saiu pelo porto em questão, ou seja, 6,243 milhões de t. Ao se comparar com os embarques de 2011, houve crescimento de 35,3%, ante as 4,613 milhões de t enviadas até agosto.


O Porto de Paranaguá (PR), que concentra neste ano 10,4% dos embarques do grão, já enviou para fora do país 56,8% a mais de soja mato-grossense que 2011.

A concentração das saídas pelos portos da região Sul e Sudeste do Brasil tende a diminuir conforme a logística para o Norte brasileiro melhora. Uma prova disso é a representatividade do Porto de Manaus (AM) com 10,1% dos envios de 2012 do grão.

As informações são da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), divulgadas anteontem pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea)
em seu boletim semanal.

Pelo Porto de Paranaguá foram enviadas 1,071 milhão de t de soja em grão de janeiro a agosto, o volume é 56,8% superior as 683,2 mil t do período em 2011. Já o Porto de Manaus embarcou 1,044 milhão de t, 25,9% a mais que as 829,6 mil t do ano passado até agosto.


Conforme o gestor do Imea, Daniel Latorraca, ainda há certa concentração dos embarques da soja mato-grossense pelos portos de Santos e  Paranaguá por conta da logística, contudo tem se verificado que com o andar das obras nas rodovias entre Mato Grosso e a região Norte a situação vai se invertendo. “Boa parte da soja enviada pelo Porto de Manaus é proveniente da região oeste de Mato Grosso, o que possibilitou o aumento dos embarques por este porto”.


Outro porto que vem apresentando crescimento nos envios conforme as obras de logística na BR-163 vão sendo entregues é o de Santarém (PA), conforme a Folha do Estado já informou.

Por lá, 526,4 mil t foram embarcadas em 2012 até agosto, 22,4% a mais que as 429,8 mil t em 2011.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink