Agronegócio

Portos do Pará terão capacidade para grãos aumentada em 490%, diz governo

Ministra Gleisi Hoffmann diz que investmentos vão dar fôlego
Por: -Leandro J. Nascimento
2209 acessos
Ministra Gleisi Hoffmann diz que investmentos vão dar fôlego ao escoamento de grãos

Os portos do Estado do Pará terão sua capacidade para grãos elevada em 490%, segundo prevê o governo federal. A modernização das unidades compõe o programa de infraestrutura que pretende modernizar o sistema logístico do país e também ampliar a oferta de rotas alternativas para escoamento da produção de grãos, afirma a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann.


"Serão mais de 12 milhões de toneladas de capacidade, um aumento de 490%", disse Hoffmann durante rápida passagem por Mato Grosso. A ministra participou, em Sinop (MT), de evento da Aprosoja Brasil e que simbolizou o início do plantio da safra de soja 2013/14. Segundo ela, serão construídos um novo terminal no Porto de Santarém, um em Vila do Conde e outros três terminais para grãos em Outeiro.


Outros Portos, como o de Santos (SP) e do Paranaguá (PR), vão receber novos investimentos. "A capacidade para grãos no Porto de Santos será aumentada em quase 77%, com investimentos de R$ 473 milhões nos arrendamentos de grãos para os portos. Serão 11 milhões de toneladas adicionais de capacidade. A licitação desses arrendamentos deve acontecer ainda em dezembro", sinalizou a ministra-chefe.


Já em Paranaguá terá sua capacidade ampliada em 28,5 milhões de toneladas, com quase R$ 1 bilhão de investimentos, diz a ministra.

Ainda em Mato Grosso, a ministra disse que a previsão é publicar ainda em dezembro os editais de licitação para os Portos de Santos e do Pará.

*O jornalista viajou a convite da Aprosoja Brasil.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink