Preço pago ao produtor de leite começa a cair no MS
CI
Agronegócio

Preço pago ao produtor de leite começa a cair no MS

Preço do leite caiu pelo menos 17% aos produtores desde outubro
Por:

O preço pago pelo litro do leite ao produtor em Mato Grosso do Sul já começou a cair, fator motivado pela chegada na safra. De acordo com informações da coordenadora da Câmara Setorial do Leite, Adriana Mascarenhas, de um patamar de R$ 0,45 a R$ 0,50 por litro, empresas da região de Ivinhema, como a Líder e Confepar, reduziram entre R$ 0,37 e R$ 0,38 o valor pago pelo litro do produto.

“Isso vai na contramão do que ocorre na região de São Paulo, onde os preços estão sustentados”, afirma Adriana. De acordo com ela, São Paulo recebe cerca de 80% de todo o leite do Estado que é remetido para fora. A sinalização, afirma, é que para o mês de novembro os outros laticínios sigam o mesmo caminho.As indústrias alegam dificuldade para vender os produtos fora do Estado, especialmente em relação a preços. “Mas ao consumidor os preços vem subindo assustadoramente”, diz a coordenadora da Câmara.

A coordenadora da Câmara afirma que uma grande dificuldade imposta ao produtor de Mato Grosso do Sul é a alta carga tributária em comparação a estados vizinhos. Diz que o setor já tenta desde o ano passado negociar com o governo a redução de imposto, sem obter sucesso. “Não houve vontade política para aprovação do projeto”, acredita.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink