Preços de soja e milho têm nova baixa em Chicago
CI
Agronegócio

Preços de soja e milho têm nova baixa em Chicago

As baixas foram pressionadas pela expectativa de que uma desaceleração mais forte da economia global reduza a demanda por commodities
Por:

As cotações da soja e do milho voltaram a recuar na quinta-feira na bolsa de Chicago, novamente pressionadas pela expectativa de que uma desaceleração mais forte da economia global reduza a demanda por commodities.

No caso da soja, os contratos futuros com vencimento em novembro, que hoje ocupam a segunda posição de entrega no mercado (normalmente os de maior liquidez), encerraram a sessão negociados a US$ 11,76 por bushel, em baixa de 2 centavos de dólar.

Foi um recuo modesto (0,17%), mas suficiente para levar os preços ao menor patamar desde 18 de dezembro de 2007, segundo cálculos do Valor Data. Em 2008, a queda acumulada aumentou para 3,15%.

O milho também caiu pouco, mas pelo terceiro pregão consecutivo, o que preocupa os analistas. Os papéis para dezembro (segunda posição) perderam 3,50 centavos de dólar (0,65%) e encerraram o dia a US$ 5,3325 por bushel. Neste ano, mostra o Valor Data, a alta acumulada diminuiu para 14,25%.

"Definitivamente há uma desaceleração econômica em curso e ela está puxando esta liquidação nos mercados de grãos", disse Mark Kessler, presidente da Harvest Equity Partners, de Iowa, à agência Bloomberg. "Não vejo um aumento da demanda [por parte de países importadores] no curto prazo", completou o analista.

Pois foi justamente a expectativa de que as compras externas de trigo americano aumentem em virtude da recente queda de preços internacionais que sustentou as cotações do cereal na quinta em Chicago. Na semana terminada em 4 de setembro, houve alta de 4,7% sobre a semana anterior.

Os contratos com vencimento em dezembro (segunda posição) fecharam a US$ 7,2625 por bushel, ganho de 0,50 centavos de dólar em relação à véspera.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.