Preços do milho sobem mais de 5% na parcial do mês

Agronegócio

Preços do milho sobem mais de 5% na parcial do mês

Mesmo com leilões realizados pelo governo, os preços do milho continuam em alta nesta semana
Por: -Redação
1 acessos

Mesmo com leilões realizados pelo governo, os preços do milho continuam em alta nesta semana. Segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), o suporte vem da estimativa de redução da safra brasileira e da lenta comercialização dos estoques brasileiros na entressafra.

Além disso, a diminuição da safra norte-americana simultânea ao aumento da demanda por milho naquele país, para a produção de etanol, também impulsionaram as cotações. Na média das regiões acompanhadas pelo Cepea, o preço do milho subiu 5,09% no mercado de balcão e 5,75% no de lotes entre 1º e 13 de novembro.

O Indicador do milho Esalq/BM&F (base Campinas) dessa segunda, fechou em R$ 22,62 a saca de 60 quilos, com alta de 5% em relação à segunda anterior.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink