Preços dos alimentos em abril têm menor alta em 10 anos

Alimentos

Preços dos alimentos em abril têm menor alta em 10 anos

Em 12 meses, alimentação em domicílio, que inclui os produtos agropecuários, têm queda de 4,68%
Por:
100 acessos

Os preços dos alimentos tiveram em abril a menor alta dos últimos 10 anos para o mês e contribuíram de forma expressiva para que a inflação no mês passado ficasse abaixo das expextativas do mercado, segundo a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

A entidade fez um comunicado para analisar o comportamento do Índide de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de abril, divulgado pelo IBGE. O IPCA geral foi de 0,22%, abaixo da projeção de 0,28% feita pelo mercado, enquanto os alimentos tiveram inflação de 0,09%.

Em abril, os produtos agropecuários com as maiores quefas foram a batata inglesa (-4,31%), por conta do aumento de oferta, seguido por açúcar cristal (-2,8%), em razão do aumento da produção mundial e da colheita no Brasil, frango inteiro (-2,08%), café moído (0,36%) e carnes (0,31%). 

Em 12 meses, o IPCA para os alimentos registrou queda de 2,11%, puxado pelo grupo alimentação em domicílio, onde estão os produtos agropecuários, que apresenta deflação de 4,68% no período. Por outro lado, a elevação total do IPCA em 12 meses foi de 2,76%.

Com este cenário de expectativas de inflação abaixo da meta do governo para 2018, a CNA avalia que há espaço para mais um corte na taxa básica de juros da economia (Selic), que hoje está em 6,5%. 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink