Preparo do solo está atrasado nas lavouras de arroz do RS

Agronegócio

Preparo do solo está atrasado nas lavouras de arroz do RS

Conforme levantamento do Irga, apenas 50% do plantio está preparada para a safra
Por: -Silvano
115 acessos

A ocorrência de chuvas durante o inverno gaúcho atrasou o preparo do solo na lavoura de arroz. Conforme levantamento realizado pelo Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga), apenas 50% da área estimada de plantio está preparada para a safra 2007/08. A recomendação é drenar a lavoura para escoar a água da chuva. Com o solo seco, os produtores poderão realizar o preparo da área.

A Fronteira Oeste é a região mais adiantada. Segundo o agrônomo do Irga Gustavo Hernandes, 60% da área está pronta, mas em alguns locais as chuvas na resteva não permitem ao produtor iniciar as operações no solo. Hernandes ressalta que a região tem água suficiente para o cultivo do arroz. “Quase 80% das barragens estão cheias e as outras 20% estão com capacidade próximas ao nível normal”, afirma.

Na Campanha, o preparo está finalizado em 30% da área. “Os produtores começaram a intensificar o preparo do solo nessa semana”, explica o agrônomo do Irga Jair Mendes. A região, que sofreu com o déficit hídrico na safra passada, está com os níveis das barragens normalizados e terá água suficiente para o plantio.

De acordo com o levantamento, a região que está com maiores dificuldades no preparo do solo é a Depressão Central. O agrônomo do Irga José Patrício de Freitas estima que 80% da área ainda não foi preparada. “Os últimos três meses foram chuvosos e impediram que os produtores iniciassem o processo”, esclarece. Na Zona Sul, em torno de 50% do preparo do solo está concluído, mesmo percentual da Planície Costeira Externa, região que abrange Santo Antônio da Patrulha e Planície Costeira Interna, que abrange Guaíba.

Para o pesquisador do Irga Valmir Menezes, o preparo do solo nessa época deveria estar acima de 80%. Menezes recomenda ao produtor que drene a lavoura o mais rápido possível e prepare o solo imediatamente. Mesmo com a chuva, alguns agricultores realizaram o preparo da área e não deverão ter problemas com a época de semeadura. “Os arrozeiros precisam se conscientizar que é fundamental o preparo do solo antecipado”, finaliza. As informações são da assessoria de imprensa do Irga.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink