Presidente do Grupo Publique passa a integrar o COSAG
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,090 (1,09%)
| Dólar (compra) R$ 5,61 (0,12%)


Agronegócio

Presidente do Grupo Publique passa a integrar o COSAG

O Grupo Publique é empresa de comunicação 100% voltada para o agronegócio
Por: -Marianna
1198 acessos
Carlos Alberto da Silva, empresário e presidente do Grupo Publique, empresa de comunicação 100% voltada para o agronegócio, passou a integrar o grupo de conselheiros do COSAG (Conselho Superior do Agronegócio), órgão técnico estratégico da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP).

O convite oficial, prontamente aceito, foi feito pelo então presidente em exercício da FIESP, Benjamim Steinbruch, e pelo presidente do COSAG, Roberto Rodrigues, em 30 de agosto deste ano. A indicação partiu do empresário Lecy Ribas Camargo, diretor do Departamento de Meio Ambiente da instituição e amigo pessoal de Paulo Skaf, atual presidente da FIESP. Carlão da Publique e Lecy tem em comum o fato de serem dirigentes da Associação Paulista dos Criadores de Gir Leiteiro.

"Credito este ao convite aos nossos 22 anos de dedicação às lides da comunicação e do marketing em prol do agronegócio. É um orgulho participar das discussões no âmbito deste seleto conselho, pois ele proporciona uma grande contribuição à sociedade brasileira como um todo e particularmente ao mundo do agronegócio", ressaltou Carlos Alberto da Silva.

Nesta semana, precisamente na segunda-feira, dia 4 de outubro, o empresário participou de sua primeira reunião no Conselho. Na ocasião, Jorge Caldeira, historiador e convidado palestrante, realizou uma análise da história brasileira, com uma visão em perspectiva do impacto das eleições sobre o nosso futuro. Segundo ele, "o agronegócio brasileiro é o centro do mundo no século XXI".

O COSAG

O Conselho Superior do Agronegócio - COSAG, órgão técnico estratégico da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo - FIESP, coordenado pelo Instituto Roberto Simonsen - IRS, tem por objetivo debater, realizar estudos e propor políticas na área do agronegócio, promovendo a permanente interação das Entidades com o assunto, analisando a repercussão das atitudes e posições da FIESP, contribuindo para o diálogo permanente com os demais segmentos da classe empresarial e da sociedade em geral, propondo estudos e atividades compatíveis com as finalidades da FIESP, mesmo quando transcendem o âmbito da atividade industrial propriamente dita e atuando como painel de idéias para apreciação da conjuntura atual.

As informações são da assessoria de imprensa do Grupo Publique.

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink