Agronegócio

Presidente do Sistema Famasul apresenta potencialidades de MS na InterCorte em SP

Apresentar a evolução do desenvolvimento econômico de Mato Grosso do Sul, associado ao perfil empreendedor e sustentável do produtor rural.
Por:
387 acessos

Apresentar a evolução do desenvolvimento econômico de Mato Grosso do Sul, associado ao perfil empreendedor e sustentável do produtor rural. Este foi o objetivo principal da palestra ministrada pelo presidente do Sistema Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de MS, Mauricio Saito, durante  a InterCorte - Exposição Tecnológica da Cadeia Produtiva da Carne, realizada nos dias 16 e 17 de junho em São Paulo.

O evento contou com a participação de mais de 3 mil pessoas da InterCorte - Exposição Tecnológica da Cadeia Produtiva da Carne na Bienal do Ibirapuera, em São Paulo. O público que esteve presente no evento foi proveniente de 24 estados brasileiros, do Distrito Federal e de países, como Argentina, Bolívia, Venezuela, EUA e França.

Saito apresentou um panorama das produções agropecuárias de Mato Grosso do Sul, dando destaque  à produção de grãos nas últimas décadas, pontuando a expansão da área de plantio e o investimento em tecnologia. "Somente nas últimas duas décadas o cultivo de  soja registrou um crescimento de 190%. É uma característica do Estado o desenvolvimento de produções calcadas em estudo e pesquisa, sendo privilegiado por abrigar três unidades da Embrapa – Pantanal, Gado de Corte e Agropecuária Oeste - e duas Fundações de Pesquisa, Fundação MS e Fundação Chapadão”, afirmou.

O evento contou com a presença de autoridades, como o Governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin; o Governador do Estado de Mato Grosso, Pedro Taques; o vice-Governador do Estado de Rondônia, Daniel Pereira; o Secretário de Agricultura do Estado de São Paulo, Arnaldo Jardim; o senador José Aníbal; o presidente da Embrapa, Maurício Lopes; o presidente da ABCZ, Luis Claudio Paranhos; além de deputados, secretários de Estado e lideranças do setor.

Caminho do Boi

Um dos destaques da InterCorte foi o Caminho do Boi, logo na entrada da Bienal, que tinha que ser percorrido por quem entrava na feira. De forma interativa e sensorial, o público pôde se colocar no lugar do animal de corte por meio de estações que representavam importantes etapas do processo, como genética, nutrição, infraestrutura e manejo, sanidade, reprodução, sustentabilidade, sistemas de produção, bem-estar, gestão, transporte, indústria e mercado da carne.

“O Caminho do Boi na Intercorte 2016 foi um desafio de adaptarmos a linguagem para conseguirmos levar a mais pessoas a mensagem da pecuária que produz carne de qualidade, dentro de um processo sustentável econômica, ambiental e socialmente. E superou nossas expectativas em termos de receptividade do público. Recebemos muitos elogios e comentários positivos, que mostram que conseguimos fazer o recado chegar aos visitantes. Esperamos que a mensagem repercuta no campo em cada vez mais pessoas conscientes e engajadas em fazer da pecuária brasileira uma referência para o mundo”, afirma a coordenadora do Caminho do Boi, Mariana Beckheuser, vice-presidente executiva da Beckhauser, empresa que idealizou o projeto, inspirado nos estudos da professora e pesquisadora Temple Grandin, da Universidade do Estado do Colorado (EUA), uma das maiores referências em bem-estar animal do mundo.

Após percorrer o Caminho do Boi, o Governador de São Paulo, Geraldo Alckmin declarou: "A feira é muito importante, pois o Brasil é o maior exportador do mundo de carne bovina. Temos o segundo maior rebanho e o principal rebanho comercial. São Paulo não tem o maior rebanho mas trabalha a carne, um quarto da exportação da carne é daqui. É um setor muito importante socialmente pelos empregos que gera e economicamente pelo significado que tem na balança comercial".

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink