Pressão sobre trigo deve perdurar

Agronegócio

Pressão sobre trigo deve perdurar

Por:
64 acessos
Os preços do trigo no mercado interno tendem a ficar estáveis ou a recuar nesta entressafra, pressionados pelos altos estoques internacionais, a concorrência argentina e a valorização cambial, que dificulta as exportações.

Segundo a Safras & Mercado, o preço médio no norte do Paraná ficou em R$ 360 por tonelada nos primeiros 10 dias de fevereiro, ante R$ 435 no mesmo intervalo de 2004. O custo médio de produção no Estado é de R$ 400 por tonelada. No Rio Grande do Sul, o preço médio no mesmo período de fevereiro ficou em R$ 310 a tonelada abaixo dos R$ 400 de igual intervalo de 2004 e abaixo do custo de produção, de R$ 350 por tonelada.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink