Prioridade a soja retarda colheita de milho em Rio Verde/GO


Agronegócio

Prioridade a soja retarda colheita de milho em Rio Verde/GO

Por:
1 acessos

A colheita de milho em Rio Verde, região sudoeste de Goiás, mostra-se praticamente parada neste momento, em função da prioridade que os produtores estão concedendo as lavouras de soja. As informações foram concedidas à Agência SAFRAS pelo departamento técnico da Cooperativa Comigo.

Conforme o engenheiro-agrônomo Maurício Miguel, outro fator determinante para a interrupção das atividades é o clima, marcado por chuvas diárias ao longo da última semana, o que compromete o desempenho dos produtores na tarefa de colher a safra. Ele salienta que a colheita já cobre 80% dos cerca de 100 mil hectares cultivados.

A situação do milho safrinha, no entanto, é totalmente adversa. "As lavouras estão sendo beneficiadas pela chuva, apresentando um aspecto sadio. No momento, 10% das lavouras estão em fase de maturação, 30% em fase reprodutiva e 60% em crescimento vegetativo", destaca.

Em termos de preço, a Comigo opera nesta terça-feira com a saca cotada a R$ 20,00, o que representa um avanço de 5,26% sobre a cotação anterior, de R$ 19,00.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink