Produção de algodão deverá aumentar em 37,6%

Agronegócio

Produção de algodão deverá aumentar em 37,6%

A produção de algodão em caroço deverá atingir 3,75 milhões de toneladas
Por: -Giuliano
3 acessos

A área cultivada com a cultura do algodão no País totalizou 1,09 milhão de hectares, superior em 27,2% (232,5 mil hectares) à da safra anterior, incremento motivado pelos baixos preços da soja e do milho na fase de implantação, ocasionando a migração para a cultura da fibra.

As regiões Centro-Oeste e Nordeste participam com 93% da produção do País, com destaques para os estados de Mato Grosso e Bahia, principais produtores nacionais, onde a área foi acrescida em 50% e 19% respectivamente. Já nos estados de São Paulo e Paraná, o algodão cedeu espaço para a cana-de-açúcar.

A produção brasileira de algodão em caroço deverá atingir 3,75 milhões de toneladas, volume 37,6% superior ao registrado na safra 2005/06. Dessa quantidade, 38,9% (1,46 milhão de toneladas) será de pluma e 61,1% (2,29 milhões de toneladas) de caroço.

A colheita já foi concluída no Paraná e São Paulo. No Estado do Mato Grosso, a colheita teve inicio em maio, com final previsto para o mês de agosto. No Sul do Estado ocorreu veranico nos meses de janeiro e fevereiro, período em que a cultura encontravase em floração e frutificação. No Oeste da Bahia, líder na produção do Estado, as condições climáticas favoreceram a cultura em todo o seu ciclo. A colheita encontra-se na fase inicial.

Em termos de Brasil, a pesquisa está indicando que após a colheita, a produtividade média será de 3.443 kg/ha contra 3.181 kg/ha obtidos na temporada passada. A nova safra recorde gerará um estoque final de 443 mil toneladas apesar do aumento considerável das exportações brasileiras que deverão chegar ao patamar de 470 mil toneladas. As informações são da assessoria de imprensa da Conab.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink