Produção em alta pressiona para baixo os preços do leite ao produtor

Leite

Produção em alta pressiona para baixo os preços do leite ao produtor

Produção de leite registrou o maior incremento este ano
Por:
213 acessos

Em outubro, a produção de leite registrou o maior incremento este ano. Considerando a média nacional, o aumento foi de 3,9% na captação, na comparação mensal. Este cenário de maior oferta somado a pressão de baixa, especialmente no atacado de produtos lácteos, refletiu em uma queda maior para o produtor. No mais, as importações cresceram neste segundo semestre.

Segundo levantamento da Scot Consultoria, no pagamento realizado em novembro, que remunera a produção de outubro, o recuo foi de 2,5% na média nacional ponderada dos dezoito estados pesquisados. Foi a terceira queda consecutiva. O produtor recebeu, em média, R$1,173 por litro de leite, sem o frete. Apesar do recuo, na comparação com o mesmo período do ano passado, o produtor está recebendo 12,6% mais este ano. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink