Produção leiteira está em debate no Norte de Tocantins

Agronegócio

Produção leiteira está em debate no Norte de Tocantins

A produção leiteira no Estado será tema do 2º Encontro Estadual de Pastagens e 1º Seminário do Leite, em Araguaína (TO)
Por:
2 acessos

Os ganhos na produção de leite, a Instrução Normativa 51 e outros assuntos envolvendo a produção leiteira no Tocantins está em discussão no 2º Encontro Estadual de Pastagens e 1º Seminário do Leite, em Araguaína, na região Norte do Estado. De acordo com o professor José Neuman Neiva, a produção de leite no Tocantins tem tido alguns avanços, mas o crescimento está em ritmo bem menor do que em outros Estados da região Norte e Nordeste.

Ainda segundo Neiva, 75% dos produtores tocantinenses não têm nenhumaassistência técnica na área e a indústria tem pouca participação emeventos como esse. De acordo com o professor, “a indústria da área leiteira não quer que os produtores se organizem”. Ressaltou que este ano, no Tocantins, é o ano do leite, mas se fala apenas no leite na mídia, o Governo não tem um programa específico que dê assistência técnica aos produtores.

De acordo com o a diretora de Produção Animal da secretaria estadual daAgricultura, Pecuária e Abastecimento (Seagro), Érika Jardim, o Governo, por meio da secretaria, tem dado assistência técnica extensiva naárea rural, o que inclui também a produção leiteira. Mas lembrou que asempresas privadas também tem que ter a iniciativa de busca a capacitação dos produtores.

A abertura do evento seria realizada no início da noite de ontem, a partirdas 18 horas, no auditório da Federação das Indústrias do Estado doTocantins (Fieto), em Araguaína. Depois da solenidade, seria realizada umapalestra sobre a Normativa 51, que começa a vigorar a partir de 1º de julho.

A programação começa a partir das 8h30, com a palestra Caracterização do uso das pastagens no Estado do Tocantins, com o professor José Neuman Neiva. O evento deve ser encerrado hoje, com uma mesa redonda.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink