Produtor de trigo no RS quer escoar safra velha antes da colheita

Agronegócio

Produtor de trigo no RS quer escoar safra velha antes da colheita

O escoamento é mais difícil porque a indústria não está comprando e há importação de farinha de trigo da Argentina
Por:
521 acessos
Com o plantio da safra de trigo finalizado, a preocupação dos triticultores gaúchos é escoar a produção do ciclo passado antes da colheita. O setor quer o apoio do governo com a realização de mais um leilão de Prêmio de Escoamento de Produto (PEP), disse o coordenador da Comissão de Trigo da Federação da Agricultura (Farsul), Hamilton Jardim.

A estimativa é de que os produtores têm em estoque aproximadamente 200 mil toneladas.

O escoamento é mais difícil porque a indústria não está comprando e há importação de farinha de trigo da Argentina, observou Jardim. Além disso, o enfraquecimento do dólar facilita a importação também de trigo. "Esperamos que o governo coloque recursos necessários para apoiar a comercialização e que não demore", reforçou o presidente da Federação das Cooperativas Agropecuárias (FecoAgro), Rui Polidoro Pinto.

O 11º levantamento de safra da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), divulgado hoje, manteve as previsões de área, produtividade e produção para o Rio Grande do Sul, em comparação aos números do relatório anterior, de julho. O órgão estima área de 882 mil hectares no Estado (-10%) e colheita de 1,764 milhão de toneladas (-14,3%). Jardim aposta em uma área um pouco menor, de 820 a 830 mil hectares. As chuvas esperadas em agosto, que devem ficar dentro do padrão do mês, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, não representam problema para os produtores. A safra chegará a fases mais sensíveis em setembro, comentou Jardim.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink