Produtores adotam consórcio do milho com a braquiária em MS

Agronegócio

Produtores adotam consórcio do milho com a braquiária em MS

Integração já representa 15% da área de milho cultivada no Estado
Por:
2615 acessos
Nesta safra de inverno os produtores de Mato Grosso do Sul estão investindo no consórcio do milho com a braquiária, uma espécie de capim. Os benefícios geralmente aparecem na próxima safra quando se planta soja. Os produtores estão animados com os resultados e a integração já representa 15% da área de milho cultivada no estado.


O produtor Edio Neuls participa da integração a cinco anos e conta que a diferença na rentabilidade foi notada logo no primeiro ano da experiência, em 2006, quando o nível de chuva foi pequeno porém a produção da soja foi maior.

Um dos benefícios de plantar o milho consorciado com a braquiária é que os custos de produção aumentam pouco, em média o valor por hectare sobe de 2% a 4%.

Motivados por essas vantagens, os produtores do estado estão investindo mais na integração, dos 850 mil hectares plantados com milho safrinha, 120 mil foram cultivados em consórcio com a braquiária. (Com informações do G1)

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink