Produtores baianos conhecem exemplo de produtividade na região sudoeste do estado

Agronegócio

Produtores baianos conhecem exemplo de produtividade na região sudoeste do estado

Exemplo de sucesso motivou  grupo de produtores rurais a visitar uma propriedade rural em Vitória da Conquista
Por:
542 acessos

Exemplo de sucesso motivou  grupo de produtores rurais a visitar uma propriedade rural em Vitória da Conquista

O exemplo pode ser o melhor dos ensinamentos, principalmente quando se trata de produtividade no campo. E foi um exemplo de sucesso que motivou um grupo de produtores rurais de Potiraguá (BA) a visitar, na última semana, uma propriedade rural em Vitória da Conquista. Eles são atendidos pelo Pró SENAR Leite, programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural da Bahia e conheceram de perto a produtividade da fazenda voltada à pecuária leiteira, que tem a palma forrageira e o capim elefante, irrigado por gotejamento, como base da alimentação do gado. 

“Algumas pessoas como nós já fizeram melhorias na fazenda com a assistência técnica e gerencial do SENAR e quando tem visita técnica aproveitamos muito mais porque depois podemos aplicar o conhecimento na nossa propriedade”, comenta a produtora Kalila Ferraz Coelho, 31 anos. Ela participa do programa junto como pai e conta que estão adotando muitas iniciativas na propriedade da família a partir do programa Pró SENAR Leite. “Meu pai é técnico do SENAR e antes do programa já tínhamos feito algumas coisas na fazenda, mas precisávamos de mais. De dois anos para cá aumentamos a área de reserva de palma forrageira, estamos fazendo análise do solo e adubação, temos piquete rotacionado, ordenha mecânica e graças a uma parceria do SENAR com o Sebrae, conseguimos melhorar a genética do rebanho também. Para nós o projeto está sendo nota mil”, comemora.

Segundo Kalila, a região é carente de programas como o Pró SENAR Leite, pois as técnicas utilizadas ainda são antigas. “Alguns produtores ainda fazem como os avós fizeram e não adotam técnicas novas. Mas a nossa turma está focada, estamos conseguindo mobilizá-los para essas visitas técnicas, mesmo sabendo que é difícil deixar a fazenda por alguns dias para participar do curso. Temos alguns produtores que talvez não apliquem as técnicas por falta de recursos, mas eles terão o conhecimento guardado e com certeza aplicarão quando a oportunidade aparecer.”

Ter o pai vaqueiro foi o que motivou Adriana Gonçalves a partir do Pró SENAR Leite. “Eu entrei no curso para aprender. Gosto muito do campo e do gado e quando apareceu a oportunidade de fazer o programa eu me inscrevi. Ainda não estou na área porque quero terminar o curso primeiro, mas já recebi uma proposta para trabalhar com ordenha”, revela. Sobre a visita à propriedade em Vitória da Conquista, Adriana destaca a diferença de realidades e a necessidade que tem do conhecimento ministrado na capacitação do Pró SENAR Leite. “Essas visitas técnicas são importantes porque a realidade que vivemos aqui é difícil e vendo uma propriedade como aquela faz com que a gente queira aprender mais e ter a oportunidade de aplicar esse conhecimento.”

O Pró SENAR Leite foi criado em 2013, tem duração de dois anos e  começa com o Negócio Certo Rural (NCR), explica o coordenador do programa, José Márcio Caroso. “Trabalhamos com 20 produtores ligados a um sindicato rural. Eles começam fazendo o NCR, depois selecionamos os que se destacaram para iniciar o Pró SENAR Leite. O programa inclui mensalmente cursos de Formação Profissional Rural e uma visita do técnico de campo. Depois dos 24 meses, encerramos o atendimento porque o produtor já consegue caminhar sozinho. Esses dias de campo ou missões técnicas servem de motivação para o produtor que participa do Pró SENAR Leite”, conta. A turma que visitou a propriedade rural em Vitória da Conquista está no segundo ano do programa e a estimativa é que concluam as atividades em fevereiro de 2017.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink