Produtores de arroz do RS reivindicam prorrogação de dívidas
CI
Agronegócio

Produtores de arroz do RS reivindicam prorrogação de dívidas

Os arrozeiros reivindicam, prorrogação de dívidas para um prazo de dez anos, sendo três anos de carência
Por: -Giuliano

O Litoral Norte do Rio Grande do Sul, a região mais atingida pelas chuvas do dia quatro de março, apresentou nesta quarta-feira (14-03), propostas e reivindicações para diminuir os efeitos dos estragos na lavoura de arroz. Segundo o técnico do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga) Vicente Oliveira, os pleitos referem-se à prorrogação de dívidas junto a bancos e cooperativas de crédito, tanto no Rio Grande do Sul como em Santa Catarina, seguro e auxílios emergenciais financeiros para lavouras com financiamento e sem financiamento.

Os arrozeiros reivindicam, ainda, prorrogação de dívidas referentes à custeios e investimentos para um prazo de dez anos, sendo três anos de carência. Também pedem auxílios para lavouras que receberam recursos próprios, créditos e seguros agrícolas especiais para o litoral norte, que há três anos consecutivos é atingida por desastres naturais.

Nessa região houve a perda total de 42% da área de 6,06 mil hectares e 58% das lavouras foram destruídas parcialmente. A expectativa inicial de colheita, que era de 883,4 mil sacos de arroz caiu para 343,6 mil sacos. O movimento financeiro da cultura também deverá diminuir, passando R$ 17 milhões para R$ 6 milhões. Cerca de 90 produtores tiveram perdas totais na lavoura.

Com a homologação da governadora Yeda Crusius de situação de emergência em Mampituba, Maquiné, Morrinhos do Sul, Itati, Três Forquilhas, Três Cachoeiras e Terra de Areia, os municípios podem reivindicar auxílio financeiro da Secretaria Nacional de Defesa Civil, do Ministério da Integração. Prefeitos e representantes desses municípios, atingidos pelos temporais ocorridos na semana passada, estiveram reunidos, na tarde dessa terça-feira, no hangar da Brigada Militar do aeroclube de Capão da Canoa (RS), com integrantes da força-tarefa do Litoral Norte, para apresentar suas necessidades e tirar dúvidas.

Os pleitos da reunião desta quarta-feira foram encaminhados para os sindicatos dos trabalhos rurais dos municípios, Fetag, Secretaria da Agricultura e Abastecimento do Estado e serão levados ao presidente da Comissão de Agricultura da Assembléia Legislativa do Estado, Adolfo Brito. As informações são da assessoria de imprensa do Irga.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink