Produtores de maçã no varejo


Agronegócio

Produtores de maçã no varejo

Por:
52 acessos

Grupo Pão de Açúcar faz campanha para quadruplicar suas vendas. O grupo Pão de Açúcar realiza em parceira com grandes produtores de maçã uma campanha que prevê quadruplicar a venda da fruta no período de uma semana nas 60 lojas da bandeira Extra em todo País.

Aproveitando o período da safra da maçã tipo gala, que ocorre no primeiro trimestre do ano, a empresa negociou preços especiais, individualmente, com as empresas Fischer Fraiburgo Agrícola, Agrícola Fraiburgo, Rasip Agro Pastoril, Renar Maçãs e Gala Frigoríficos, todos das regiões de Fraiburgo (SC) e Vacaria (RS). Isso permitirá à rede vender a fruta com descontos de até 40%.

Além da maçã gala, estarão com forte exposição e preços especiais as variedades verde e red, ambas importadas da Argentina.

Segundo Leonardo Myao, diretor comercial de frutas, verduras e legumes, este é o segundo ano que a rede faz a campanha. Mas a queda da safra esperada para 2003 e a expectativa dos produtores com as exportações dificultaram as negociações. Mesmo assim, a rede e os produtores atingiram a meta de vender de 30 a 40 carretas da fruta em uma semana, cerca de 20% a mais do que em períodos normais.

Ronaldo Carneiro Walter, supervisor da Fischer, acredita que de 2003 será parecido com 2002 para a produção de maçã. Apesar da diminuição da safra, devido a problemas climáticos, a empresa ainda tem boas perspectivas de exportação.

A parceria direta com o varejo, diz Walter, mostra a preocupação dos produtores em trabalhar com preços competitivos no mercado nacional: "Temos condições de aumentar a participação no mercado interno e de reduzir a margem de lucro para beneficiar o consumidor".

Myao informa que o Pão de Açúcar procura incentivar a agricultura brasileira e, por isso, utiliza a estratégia de compra direta dos fornecedores. "Sem os atravessadores, comuns na negociação, a fruta chega rápidamente e mais em conta à mesa do consumidor."

O Festival da Maçã no Extra será o primeiro de uma lista. A negociação com os produtores deve envolver outras frutas, como caqui, dentro do calendário de colheita este ano.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink