Produtores de mel e banana recebem preços recordes
CI
Imagem: Marcel Oliveira
FIM DO ANO

Produtores de mel e banana recebem preços recordes

Em 2019, o estado se destacou como maior produtor e exportador de mel do país
Por:

Com o aumento crescente da demanda pelo mel brasileiro por parte dos países importadores, em especial Estados Unidos e União Europeia, o preço do produto pago ao produtor paranaense registra recordes consecutivos. No mês de novembro, a elevação foi de 21,46% em relação ao recebido pelo quilo do produto no mês de outubro. No acumulado de setembro a novembro a alta registrada foi de 52,13%. A análise regional do Paraná foi feita pela Companhia Nacional de Abastecimento, a partir dos números presentes no Sistema de Informações Agrícolas e de Abastecimento (Siagro), da Companhia.

Em 2019, o estado se destacou como maior produtor e exportador de mel do país. Este ano, o estado  registrou,  no fim de novembro, um volume exportado da ordem de 8.975 toneladas do produto, atingindo a marca de 34% a mais sobre o volume exportado no mesmo período do ano passado, ficando responsável por 33% das exportações brasileiras de mel.

Outro objeto do estudo que vem apresentando tendência de alta nos preços pagos ao produtor no estado é a banana prata. As cotações voltaram a subir no mês de novembro. De setembro para cá, a fruta já acumula acréscimo de 14,71% no preço da caixa de 20 kg. A análise estima que o encerramento da colheita no Paraná e em São Paulo, associado aos problemas com o clima nesta safra, acabaram por  refletir na alta dos preços.

O estado passou por longa estiagem, além de enfrentar um ciclone bomba que atingiu a região durante o desenvolvimento dos bananais, prejudicando o cacheamento das plantas que seriam colhidas agora nos meses de dezembro e janeiro. Com a baixa oferta do produto e a demanda aquecida no verão, a expectativa para os próximos meses é de preços em torno de R $2,50 o kg da banana, ante os atuais R $1,70 recebido pelo produtor.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink