Produtores do MT vão plantar soja sobre soja na safrinha
CI
Agronegócio

Produtores do MT vão plantar soja sobre soja na safrinha

Prática é questionada por especialistas pelo risco de pragas
Por: -Leonardo Gottems

Cada vez mais agricultores do estado de Mato Grosso estão optando por plantar soja sobre soja na safrinha, deixando de lado a recomendada e tradicional rotação de culturas, que permite a eliminação de diversas pragas. O fenômeno se explica pelos custos altos e preços baixos pagos pelo milho, combinados com a valorização da soja.


No entanto, a decisão provoca o receio dos especialistas, que alertam para o risco de infestações e doenças, bem como o aumento do uso de defensivos. “Nós temos hoje não mais que seis fungicidas que estão funcionando, de certa forma, boa para controlar a ferrugem. A soja safrinha amplia em 3X a necessidade de aplicação de fungicida, significa que nós vamos acelerar em 3X a perda destes já poucos produtos que têm alguma eficiência para a ferrugem e eles não serão eficientes na safra seguinte", explica Wanderlei Dias Guerra, engenheiro agrônomo do Ministério da Agricultura/MT.


Carlos Fávaro, presidente da Associação dos Produtores de Soja do Estado de Mato Grosso (Aprosoja), também se posicionou sobre o polêmico tema. “Nós vamos trabalhar de forma técnica, não queremos proibir nada, o direito do produtor viabilizar a sua propriedade tem que acontecer, mas o limite dele vai até onde começa a gerar problema para o vizinho e a comunidade”, afirma.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink