Programa de biodiesel na Paraíba beneficiará 31 municípios

Agronegócio

Programa de biodiesel na Paraíba beneficiará 31 municípios

Por:
116 acessos

A Embrapa Algodão reafirmou no dia (16/09) seu compromisso com as demais instituições que compõem o grupo de trabalho técnico no PPNPB - Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel. O programa beneficiará 31 municípios nos pólos Borborema e Mata Norte.

O agrônomo Napoleão Beltrão, chefe geral da Embrapa no estado, defendeu a inclusão do algodão herbáceo para compor com a mamona as opções para o programa no grupo de oleaginosas a serem cultivadas para a extração de óleo na produção de biocombustíveis.“A BRS Aroeira é um algodoeiro com alto teor de óleo e pode se encaixar perfeitamente no programa, além de ser uma cultura bem menos exigente que o girassol”, justificou Beltrão, defendendo também o disciplinamento dos cultivos, com utilização de plantio em curvas de nível e outras técnicas, visando o maior aproveitamento das áreas e a preservação dos solos.

A Embrapa deve continuar colaborando também com o processo de capacitação de produtores de mamona para a multiplicação de sementes certificadas, como o que já vem ocorrendo na parceria com a Coapib - Cooperativa Agroindustrial do Compartimento da Borborema, com sede em Pocinhos, que produziu até fevereiro sob encomenda da Embrapa Algodão cerca de 20 toneladas de sementes de mamona das variedades 149 Nordestina e Paraguaçu e possui uma demanda de 140 toneladas para os próximos meses.

O PPNPB é coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário com a gestão operacional da Obra Kolping do Brasil. O GT conta com a participação de vários órgãos estatais e da sociedade civil. Segundo Lúcia Maria Canuto Bandeira, consultora da Obra Kolping do Brasil, o programa pretende aumentar em até oito vezes a produção de oleaginosas na região. Ela explica que a idéia é beneficiar agricultores familiares envolvidos no processo produtivo, com garantia de compra de toda a produção e de preços mínimos.

No pólo Mata Norte os municípios paraibanos contemplados serão Santa Rita, Cruz do Espírito Santo, Sapé, Sobrado, Riacho do Poço, Mari, Capim, Cuité de Mamanguape, Mamanguape, Itapororoca, Lucena, Rio Tinto, Marcação, Curral de Cima, Baía da Traição, Jacaraú e Mataraca. No pólo Borborema, as cidades são Campina Grande, Puxinanã, Lagoa Seca, Massaranduba, Serra Redonda, Matinhas, Remígio, Algodão de Jandaíra, Serraria, Pilões, Casserengue e Solânea.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink