Programa de Iniciação Científica da Faculdade CNA desenvolve pesquisas aplicadas ao agro
CI
Imagem: Pixabay
AGRONEGÓCIO

Programa de Iniciação Científica da Faculdade CNA desenvolve pesquisas aplicadas ao agro

As inscrições para o Programa de Iniciação Científica da Faculdade CNA estão abertas até o próximo dia 05 de abril
Por:

As inscrições para o Programa de Iniciação Científica da Faculdade CNA estão abertas até o próximo dia 05 de abril. Voltado aos alunos da instituição, o programa oferece cinco projetos de pesquisa em que o aluno poderá se aprofundar em soluções voltadas ao setor agropecuário.

“A iniciação científica da Faculdade CNA é um programa estrategicamente pensado para a aproximação dos docentes e dos estudantes, com foco em pesquisas aplicadas ao agro”, afirma o professor Alberto Santos, coordenador de Iniciação Científica da Faculdade CNA.

Segundo ele, o programa é um diferencial da instituição que gera resultados acadêmicos e técnicos para a sociedade como um todo.

“Os estudantes desenvolvem competências de metodologia científica, para a análise de problemas e apontamento de soluções que poderão beneficiar os diferentes elos das cadeias produtivas agroindustriais.”

Os projetos disponíveis para pesquisa são: Tendências de consumo de café no pós-pandemia: o caso da União Europeia; Parâmetros e indicadores de qualidade ambiental da propriedade rural: recursos hídricos e cobertura vegetal; Disseminação da produção integrada na cadeia produtiva de frutas; Os impactos e aplicabilidade da nova NR 31 para o agronegócio; e Avaliação de indicadores de sustentabilidade e qualidade ambiental nas propriedades rurais de pequeno e médio porte.

“Queremos que os nossos alunos entendam que a metodologia científica é uma ferramenta importante para eles aprenderem a observar e, principalmente, a apresentar soluções para os problemas práticos do dia a dia de quem está no campo ou na agroindústria”, afirmou o professor Thiago Masson, orientador do projeto sobre as tendências de consumo do café no pós-pandemia.

Masson ressalta que, com a pandemia da Covid-19, vieram os lockdowns, que impactaram principalmente aqueles produtos que são consumidos fora de casa em bares e restaurantes.

“Esse é o caso do café na Europa. O continente tem um dos maiores consumos per capita que acontece em bares e restaurantes. Então, a minha linha de pesquisa vai abordar e utilizar conhecimento de relações internacionais e também de marketing do agronegócio”.

O coordenador Alberto Santos ressalta que o programa é exclusivo para os estudantes da Faculdade CNA e para acessar o edital completo e se inscrever o aluno deve entrar no seu Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA).


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink