Projeto avalia sementes de soja para próxima safra
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,200 (0,72%)
| Dólar (compra) R$ 5,63 (0,59%)

Imagem: Eliza Maliszewski

MATO GROSSO

Projeto avalia sementes de soja para próxima safra

Fatores analisados envolvem a qualidade das sementes
Por: -Eliza Maliszewski
305 acessos

A Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja) está coletando amostras de sementes no campo para avaliar a qualidade das cultivares certificadas e em que condições elas chegam nas propriedades para a próxima safra. 

O projeto chamado Semente Forte conta com oito classificadores certificados pelo Ministério da Agricultura que devem coletar cerca de 650 amostras até o final de setembro. O material é analisado no laboratório da Fundação Rio Verde. O resultado sai em 30 dias e orienta os produtores com relação aos aspectos da semente.

O material pontua aspectos importantes ao produtos já que a semente é o principal insumo para a produtividade e representa grande parte do investimento. O produtor deve ficar atento, primeiramente, às condições com que a semente chega na fazenda, a questão de nota fiscal e de embalagens.

As informações geradas na análise tratam de germinação e vigor da semente, volume de sementes, e sobre quais sementeiras mais fornecem dentro do Estado. O produtor que tem dúvidas sobre a qualidade da semente é orientado a não esperar a análise do projeto e remeter amostras para um laboratório de sua confiança. 

Neste ano o Semente Forte também irá acompanhar as lavouras após análises que vierem com percentuais abaixo do indicado. “Se o produtor chegar de colocar a campo essa semente, vamos entrar em contato e verificar quais são as reais condições dessas lavouras após a implantação. Hoje a legislação prevê apenas a questão da germinação, com percentual mínimo de 85%. Nesses dois anos observamos incremento na germinação, mas há redução no vigor e agora com três anos de análise poderemos dar um parecer mais preciso do que está ocorrendo”, explanou a gerente de Defesa Agrícola da Aprosoja, Jerusa Rech.

*com informações da imprensa Aprosoja
 

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink