Projeto Campo Futuro levanta custos de produção de grãos em Goiás

Imagem: Pixabay

Grãos

Projeto Campo Futuro levanta custos de produção de grãos em Goiás

CNA realizou o levantamento de custos de produção de milho e soja
Por:
967 acessos

A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), em parceria com o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), realizou na terça (16), por videoconferência, o levantamento de custos de produção de milho e soja no município de Rio Verde, em Goiás.

A coleta de dados faz parte do projeto Campo Futuro, cujo objetivo é aliar a capacitação do produtor à geração de informações para administração de custos, riscos de preços e gerenciamento da produção. Participaram do encontro produtores da região, especialistas, além de representantes de sindicatos rurais e cooperativas.

Segundo o assessor técnico da CNA, Thiago Rodrigues, a realização dos painéis, mesmo durante a pandemia do coronavírus (Covid-19), é fundamental para o setor. “Mantendo o foco nas medidas de prevenção da doença, o levantamento online é uma oportunidade de atualizar os dados dos custos de produção e manter uma série histórica do Projeto, que já dura 13 anos”.

De acordo com Rodrigues, na reunião online, os dados informados pelos produtores refletiram resultado positivo para a produção e comercialização da safra 2019/2020 de milho e soja. Com relação ao preço de comercialização, a saca de soja foi vendida, em média, a R$ 76,50, e a de milho, a R$ 32,15.

“Tais valores de receita, aliados a uma produção de 63 sacas de soja e 115 de milho por hectares, foram suficientes para cobrir os custos de produção da propriedade típica da região, identificada durante o levantamento”, explicou.

O pesquisador do Cepea Renato Garcia explicou que os dados são uma forma de acompanhar a evolução das regiões produtoras, uma vez que os números são coerentes com a realidade, já que são repassados pelos produtores e técnicos que atuam na região de Rio Verde.

A produtora rural Renata Ferguson acompanhou todos os detalhes e pôde contribuir com informações específicas da sua realidade produtiva. “É fundamental que tenhamos dados certos para conseguirmos trabalhar de forma eficaz nas propriedades rurais, afinal, só se obtém lucro se tivermos uma boa gestão”.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink