Projeto Escola no Campo inicia atividades
CI
Agronegócio

Projeto Escola no Campo inicia atividades

Um grupo de 50 professores participou de uma capacitação
Por:
No intuito de formar novas gerações de agricultores conscientes da necessidade de preservar o meio ambiente e usar a tecnologia para a produção de alimentos mais saudáveis, iniciou na manhã desta terça-feira (12) as atividades da 11ª edição do projeto Escola no Campo.

O foco desta primeira ação do projeto em 2012 foi os profissionais de ensino que desenvolverão os trabalhos em sala de aula. Um grupo de 50 professores participou de uma capacitação sobre a nova cartilha do "Escola no Campo". A coordenadora de educação da Fundação Abrinq, Amélia Bampi, apresentou a novo material e falou sobre os objetivos e propósitos do projeto. "Com esse material queremos chegar mais próximo do nosso aluno e mostrar as realidades que envolvem a agricultura e o meio rural".

Pelo 11º ano a realização do projeto Escola no campo conta com a parceria da Cotrijal e Syngenta. Segundo o gerente de Desenvolvimento Cooperativista, Enio Shroeder, o projeto une entidades que realmente estão preocupadas com o futuro do agronegócio. " As crianças participantes transmitem o aprendizado às suas famílias e sociedade, conscientizando também os adultos sobre os conceitos de agricultura sustentável".

O projeto Escola no Campo será desenvolvido em 2012 em 13 municípios da área de ação da cooperativa, envolvendo cerca de 60 escolas (municipais e estaduais). Após a realização desta capacitação, os professores utilizarão a nova cartilha em sala de aula, possibilitando para os alunos o estudo de vários temas. Ao final dos trabalhos, cada aluno produzirá um desenho e uma frase relacionados com um dos temas desenvolvido em sala de aula. Os melhores serão premiados no encerramento do projeto.

Participam do projeto em 2012 os municípios de Não-Me-Toque, Colorado, Victor Graeff, Tio Hugo, Saldanha Marinho, Lagoa dos Três Cantos, Mato Castelhano, Nicolau Vergueiro, Ernestina, Almirante Tamandaré do Sul, Carazinho, Santo Antônio do Planalto e Coqueiros do Sul.

ONZE ANOS DE ESCOLA NO CAMPO

Realizado desde 2002 pela Cotrijal, Syngenta e prefeituras dos municípios da área de ação da cooperativa, através das secretarias de educação, o Projeto Escola no Campo visa sensibilizar os estudantes de Ensino Fundamental da necessidade de preservar os recursos naturais, promover a segurança no uso de agrotóxicos e estimular a produção de alimentos saudáveis.

Neste projeto é abordado o tema "Uso Correto e Seguro de Agrotóxicos", que visa conscientizar as crianças, principalmente os filhos de agricultores, quanto aos riscos decorrentes do uso incorreto dos produtos, suas consequências para o aplicador e mesmo o consumidor de produtos agrícolas. Mais de dez mil crianças já participaram do projeto.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink