Publicadas regras para que estrangeiros adquiram terras
CI
Agronegócio

Publicadas regras para que estrangeiros adquiram terras

Interessado deve comprovar compatibilidade com os critérios estipulados pelo ZEE
Por:
O estrangeiro interessado deve comprovar compatibilidade com os critérios estipulados pelo Zoneamento Ecológico (ZEE)

Estrangeiros que quiserem adquirir terras no Brasil devem apresentar documentação que justifique o tamanho da área desejada e o cronograma de investimento e implementação do projeto. As regras constam na Instrução Normativa Conjunta nº 1 que de estabelece o procedimento administrativo para que pessoas de outros países possam arrendar ou adquirir terras brasileiras foi publicada na sexta-feira (28-09) no Diário Oficial da União. A medida começa a valer a partir da última sexta-feira (28-09).

O estrangeiro interessado deve ainda informar se será usado crédito oficial na aquisição, além de comprovar compatibilidade com os critérios estipulados pelo Zoneamento Ecológico do Brasil (ZEE), quando esse for exigido. É necessário que o requerimento de intenção seja encaminhado à superintendência do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) no estado onde o terreno a ser adquirido está localizado.

Dependendo da atividade a ser desenvolvida no terreno, o pedido de autorização será avaliado pelos ministérios do Desenvolvimento Agrário, da Agricultura, do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, do Turismo e o Incra. Confira o documento publicado.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink