Qualidade do Leite é foco nas ações do SENAR Rio de Janeiro

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Leia nossos Termos de Uso e Termos de Privacidade. Ao clicar em Aceitar & Fechar, você consente com a utilização de cookies.


CI
Imagem: Pixabay
PECUÁRIA

Qualidade do Leite é foco nas ações do SENAR Rio de Janeiro

SENAR Rio realizou uma reunião de alinhamento dos programas e ações voltadas para a qualidade do leite
Por:

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Rio de Janeiro (SENAR Rio) realizou nesta quarta-feira, 28 de abril, uma reunião de alinhamento dos programas e ações voltadas para a qualidade do leite nas propriedades rurais fluminenses, a serem desenvolvidas juntamente aos laticínios e Sindicatos Rurais.

Foram apresentados os resultados do Programa de Monitoria da Qualidade do Leite, implantado desde setembro de 2020, com atendimento de 252 produtores rurais em parceria com 10 laticínios e 11 Sindicatos Rurais.

O assessor técnico do SENAR Rio, Mauricio Salles, citou os benefícios que o Programa oferece ao produtor rural:

“O Monitoria da Qualidade do Leite é um Programa que o SENAR Rio oferece ao produtor para que ele cumpra as exigências das Instruções Normativas 76 e 77 e possibilite também uma melhoria na sua renda. Hoje, com os programas de qualidade, para alguns laticínios e cooperativas a redução da CPP e da CCS representam mais de R$0,20 por litro de leite, o que é muito considerável. Sem falar da redução da mastite, que você diminui os gastos com antibióticos, já que é proibida a venda de leite com resíduo de antibiótico. Então o nosso trabalho vem para ajudar o produtor nesse sentido.”

Além dos resultados já obtidos, foram divulgadas também duas novas ofertas: o Programa de Controle de Mastite e Redução da CCS e o Programa de Boas Práticas Agropecuárias. Esses programas visam atender as demandas dos laticínios referentes as exigências do Plano de Qualificação de Fornecedores do Leite (MAPA).

Caso tenha interesse em participar, procure o SENAR Rio de Janeiro através de e-mail (senar@senar-rio.com.br) ou WhatsApp (21 99078-3424).

Sobre o Programa de Monitoria da Qualidade do Leite – Instruções Normativas 76 e 77

As instruções normativas vigentes referentes à produção e comercialização do leite têm como objetivo de promover a competitividade e a sustentabilidade do setor lácteo brasileiro. Dessa forma, a produção de leite de qualidade está cada vez mais presente na vida do produtor. E foi pensando nisso que o SENAR Rio de Janeiro reformulou o Programa Monitoria da Qualidade do Leite.

O Programa tem como objetivo monitorar a conformidade das propriedades rurais em relação às exigências legais estabelecidas pelas Instruções Normativas 76 e 77, do Ministério de Agricultura para a produção de leite de qualidade, criando possibilidades, por meio de ações educativas para que os pequenos produtores atendam aos padrões de redução dos índices de CCS – Contagem de Células Somáticas e CPP – Contagem Padrão em Placas, exigidos pela legislação.

Para saber mais, clique aqui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink