Qualidade é condição fundamental para exportação de leite

Agronegócio

Qualidade é condição fundamental para exportação de leite

O país ainda precisa conscientizar produtores e indústrias sobre a importância de investir e monitorar a qualidade do produto
Por: -Redação
1 acessos

O superintendente técnico da Associação Paranaense de Criadores de Bovinos da Raça Holandesa (APCBRH), Altair Valloto, afirmou, no encontro "Imersão na cadeia do leite", em Curitiba, que apesar dos avanços com a Instrução Normativa nº 51 todo o país ainda precisa conscientizar produtores e indústrias sobre a importância de investir e monitorar a qualidade do leite. Ele explica que os principais gargalos, no Brasil, são as contagens bacterianas e de células somáticas, indicadores relacionados à higiene. “Estamos a caminho de um excedente de produção. A saída para dar vazão ao volume de leite é exportar e só exporta quem tiver qualidade”, adverte Valloto.

A APCBRH mantém, no Paraná, um dos sete laboratórios da Rede Brasileira de Qualidade do Leite, onde funciona o Programa de Análise de Rebanhos Leiteiros do Paraná. Cerca de 20 mil animais têm amostras do leite analisadas pelo laboratório todos os meses. O superintendente da entidade ressalta que ainda há o que evoluir no quesito sanidade, principalmente no que diz respeito à febre aftosa. As informações são da assessoria de imprensa da CNA.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink