Rally da Safra percorre o país até 8 de junho avaliando lavouras

Rally da Safra

Rally da Safra percorre o país até 8 de junho avaliando lavouras

15ª edição da expedição vai contar com 12 equipes em campo se revezando por 13 estados produtores e mais de 500 municípios
Por:
24 acessos

O Brasil Rural de hoje vai falar sobre a 15ª edição do Rally da Safra que começou no último dia 15, no Mato Grosso, e vai até 8 de junho, nos estados de MT, GO, MS e PR. Serão 12 equipes em campo, das quais nove avaliarão as lavouras de soja até o mês de março. E outras três irão verificar entre maio e junho as áreas de milho segunda safra. O levantamento acontece em 500 municípios nos 13 principais estados produtores que correspondem a 95% da área de soja e 72% da área de milho.

Sobre o trabalho das equipes e o roteiro completo da expedição, Marcelo Ferreira conversou com um dos coordenadores do Rally, Valmir Assarice. "A gente dividiu o rally em duas frentes de trabalho. Um carro da nossa equipe vai fazendo visita a associações, reuniões com produtores e sindicatos rurais. Em outra parte do trabalho a gente tem alguns carros que vão fazer a amostragem de campo. Então, a gente vai parando aleatoriamente durante o percurso para fazer contagem de grãos, avaliação de pragas e estimativa de cada talhão de soja. Ao final do dia, a gente consegue entender como é que foi aquele panorama. O objetivo final é estimar a produção de safra brasileira e a divulgação dos dados", diz ele sobre o cenário da soja. 

Ainda sem os números de safra finalizados, Valmir indica um viés positivo. Segundo ele, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul apresentam colheitas superiores a safra passada. Agora, as atenções se voltam para o Paraná, onde a safra está mais atrasada. Na entrevista, Valmir fala também sobre as metodologias aplicadas pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 

A expedição fará dez eventos regionais - com o objetivo de divulgar dados da safra e apresentar cenários de mercado - e 30 cafés com produtores. A estimativa é percorrer 95 mil quilômetros neste ano, com aproximadamente 1500 lavouras amostradas e 3 mil produtores contatados.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink