Realizado sequenciamento do genoma do café arábica

PESQUISA

Realizado sequenciamento do genoma do café arábica

Esta nova sequência do genoma de Café arábica contém um ponto crucial para o desenvolvimento de novas variedades"
Por: -Leonardo Gottems
430 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

Pesquisas realizadas por pesquisadores da Universidade da Califórnia, em Davis, deram um passo importante que pode levar ao desenvolvimento de novas variedades resistentes a doenças que se adaptam à mudança climática, ao sequenciarem o genoma do café arábica. De acordo com o estudo, o café é uma das maiores culturas básicas do mundo, com pessoas consumindo mais de 2,25 bilhões de xícaras por dia e espera-se que a mudança climática diminua a área certa para cultivar café em até 50% até 2050. 

Em 2017, os geneticistas da UC Davis sequenciaram o genoma do café arábica e o divulgaram ao público pela primeira vez, essa que é uma espécie responsável por 70% da produção mundial de café. O financiamento para o sequenciamento foi fornecido pelo grupo Suntory, uma empresa internacional de alimentos e bebidas com sede em Tóquio. 

A nova sequência do genoma foi publicada no Phytozome.net, que é considerado o maior banco de dados público de genômica comparativa de plantas coordenado pelo Joint Genome Institute do Departamento de Energia dos Estados Unidos e está disponível para uso por cientistas e criadores de plantas em todo o mundo. Esses dados, no entanto, sugerem que as diferenças nos padrões de temperatura e precipitação já tornam a cultura mais suscetível a doenças e pragas. 

"Esta nova sequência do genoma de Café arábica contém um ponto crucial para o desenvolvimento de variedades de café de alta qualidade e resistentes a doenças que podem se adaptar às mudanças climáticas esperadas, que irão ameaçar a produção global de café nos próximos 30 anos" disse Juan Medrano, geneticista. na Faculdade.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink