Receita com exportações de carne suína cresce 90% no trimestre

Agronegócio

Receita com exportações de carne suína cresce 90% no trimestre

A receita com as exportações brasileiras de carne suína no primeiro trimestre chegou a 226,8 milhões de dólares
Por:
1 acessos

A receita com as exportações brasileiras de carne suína no primeiro trimestre chegou a 226,8 milhões de dólares, um aumento de 90% em relação ao mesmo período do ano passado, informou nesta segunda-feira a Associação Brasileira da Indústria Produtora e Exportadora de Carnes de Porco (Abipecs).

O volume embarcado foi de 113.385 toneladas, alta de 23% sobre o período janeiro-março de 2004, segundo a Abipecs. Em março passado as exportações de carne suína somaram 78,9 milhões de dólares, uma alta de 39% frente a março de 2004.

O aumento aconteceu apesar de uma redução de 22% no volume embarcado em comparação com março de 2004, o que reflete a alta dos preços nas últimas semanas. Em março, o preço da tonelada foi de 2.375 dólares; no trimestre, o preço médio foi de 2.000 dólares a tonelada. Os principais mercados da carne suína brasileira são Rússia, Hong Kong, Cingapura e África do Sul.

As vendas à Argentina, principal cliente na região, diminuíram no primeiro trimestre 28% em volume, para 6.057 toneladas. No entanto, a receita gerada foi 3% maior, chegando a 12 milhões de dólares no período.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink