Receita Federal prorroga entrega do imposto de renda

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Leia nossos Termos de Uso e Termos de Privacidade. Ao clicar em Aceitar & Fechar, você consente com a utilização de cookies.


CI
Imagem: Pixabay
ECONOMIA

Receita Federal prorroga entrega do imposto de renda

Neste ano são esperadas 32 milhões de declarações
Por: -Eliza Maliszewski

A Receita Federal anunciou nesta segunda-feira(12) que vai prorrogar o prazo de entrega do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) para 31 de maio. O limite para entrega encerrava em 30 de abril. 

A mudança foi divulgada por meio da instrução normativa 2.020, publicada no Diário Oficial da União. Assim como no ano passado a extensão do prazo de entrega se dá em função da pandemia e busca diminuir as aglomerações em escritórios de contabilidade.

Um projeto de lei provado na Câmara e no Senado e que voltou à primeira por mudanças no texto, pretende prorrogar para julho. Ainda é necessária nova aprovação dos parlamentares e sanção do presidente para que tenha validade.

Neste ano são esperadas 32 milhões de declarações. Até o último domingo (11) já haviam sido entregues mais de 12 milhões. Também foram prorrogadas para a mesma data a Declaração Final de Espólio e da Declaração de Saída Definitiva do País e o vencimento do pagamento do imposto relativo às declarações. 

Está obrigado a apresentar a declaração anual o contribuinte que, no ano-calendário de 2020, recebeu rendimentos tributáveis, sujeitos ao ajuste na declaração, cuja soma foi superior a 28.559,70 reais (equivalente a 2.196,90 reais por mês de salários, aposentadorias ou aluguéis). Também deve apresentar a declaração a pessoa física que, no ano-calendário de 2020, tenha recebido rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a 40.000 reais. Também quem fez operações na Bolsa de Valores no ano passado e quem teve posse ou propriedade de bens de até 300.000 reais precisa entregar o documento.
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink