Recua subsídio para trigo na UE


Agronegócio

Recua subsídio para trigo na UE

Por:
2 acessos

A União Européia (UE) reduziu os subsídios para as exportações de trigo, para 76.850 toneladas, com um refinanciamento mais alto do que o da semana passada, informou o Ministério da Agricultura do Reino Unido. A Comissão de Gerenciamento de Grãos do bloco europeu concordou em pagar um subsídio de €13 (US$ 14) por tonelada para o trigo, em comparação com o fornecimentos de 244 mil toneladas com um subsídio de €12,94 (US$ 14,25) na semana passada, informou uma autoridade do ministério. Os preços europeus de cereais em geral são mais elevados que os mundiais, dificultando a exportação das colheitas da região sem subsídios. Os exportadores recebem refinanciamentos para superar a lacuna entre seus preços de compra na Europa e os de venda nos mercados globais. O encorajamento à exportação com refinanciamentos significa que a UE pode evitar a despesa de adquirir o superávit de trigo dos produtores a um preço garantido, e estocá-lo. Na China, as importações de trigo poderão subir 32% este ano para 800 mil toneladas devido à menor produção interna, segundo informou a Agência Estatal de Grãos da China. As exportações de trigo do país asiático poderão aumentar 1,4% para 700 mil toneladas, informou em um relatório o Centro Nacional de Informações para Grãos & Óleos da China, uma agência afiliada


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink