Recuperação externa dos preços do frango prossegue, mas já corre risco

Agronegócio

Recuperação externa dos preços do frango prossegue, mas já corre risco

No trimestre maio-julho, o preço médio do produto permaneceu quase 20% abaixo daquele registrado nos mesmos três meses de 2008
Por:
164 acessos
Mesmo que venha a manter a boa valorização registrada entre março e julho deste ano – incremento de 20,24% no período, média de 4,71% ao mês – o preço obtido pelo Brasil com a exportação de carne de frango tende a permanecer negativo em relação ao ano anterior ainda por algum tempo. Porque, em essência, a elevação de preços observada em boa parte de 2008 foi excepcionalmente forte e acelerada, apresentando possibilidades mínimas de repetir-se no curto prazo, independente até da superação da crise econômica.

No trimestre maio-julho, o preço médio do produto permaneceu quase 20% abaixo daquele registrado nos mesmos três meses de 2008. Mas – o que é mais importante – evoluiu e, neste instante, já supera o valor alcançado no terceiro trimestre de 2007.

Já há, entretanto, quem vislumbre a possibilidade de interrupção dessa retomada, com eventual retrocesso de preços em agosto corrente. Porque – é citado – parte representativa dos importadores brasileiros acompanha muito de perto, “até com mais interesse e atenção que os próprios empresários avícolas brasileiros”, a situação interna do mercado do frango e sabe quando pode ou não pressionar seus fornecedores. “O momento atual está se revelando propício para isso”.
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink