Suínos

Redução no consumo estabiliza mercado por mais uma semana

Neste momento do mês, a queda no poder aquisitivo da população reduziu o consumo
Por:
32 acessos

A oferta e demanda no mercado suinícola se mantiveram equilibradas nesta semana, de acordo com publicação do portal Scot Consultoria. Neste momento do mês, a queda no poder aquisitivo da população reduziu o consumo, levando a uma manutenção dos preços da semana anterior, ressaltam os analistas.

No mercado paulista, o mercado se manteve estável se comparado aos valores da semana passada. De acordo com a Associação Paulista de Criadores de Suínos (APCS), os preços fecharam com referências de R$ 79,00 a R$ 81,00 condições bolsa, respectivamente a R$ 4,21 a R$ 4,32/kg do suíno vivo.

A bolsa de suínos de Minas Gerais fechou com leve queda nos preços, segundo representantes da Associação dos Suinocultores do Estado de Minas Gerais (ASEMG), voltando para a casa dos R$ 4,20 ante os R$ 4,30 marcados no dia 21 deste mês.

Segundo dados da Associação de Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul (ACSURS), a cotação no Estado se manteve a R$ 3,83/kg vivo com valor próximo dos R$ 3,85 da semana anterior.

No Paraná, os valores se fecharam com queda nos valores, fechando a R$ 3,89 ante os R$ 4,00 em que se mantinham, os dados são da Associação Brasileira de Criadores de Suínos (ABCS). Em Santa Catarina, de acordo com dados da Associação Catarinense de Criadores de Suínos (ACCS), os valores se mantiveram a R$ 3,80. Os preços pagos no Mato Grosso tiveram queda nas cotações, marcando os preços a R$ 3,35 ante os R$ 3,59 marcados na semana passada.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink