Agronegócio

Região da aftosa no MS recebe R$ 4,5 milhões

Recursos são destinados à diversificação da economia, até hoje não desenvolvidas
Por: -Maurício Hugo
7 acessos

Os reflexos econômicos negativos em toda a região dos últimos focos de febre aftosa no cone sul do Mato Grosso do Sul continuam sendo combatidos. Nesta quinta-feira (21-12), às 9h da manhã, no auditório da Superintendência Federal da Agricultura, serão assinados convênios com cinco prefeituras e nove entidades no valor total de R$ 4,5 milhões.

Os recursos serão aplicados em vários programas de fomento da atividade agropecuária e de serviços na região e especialmente no treinamento de produtores e trabalhadores rurais dos municípios de Eldorado, Iguatemi, Mundo Novo, Itaquiraí, Japorã, conforme explicou o superintendente federal da Agricultura, engenheiro-agrônomo Orlando Baez. Segundo ele, algumas atividades produtivas diferentes, até hoje não desenvolvidas na região, serão incentivadas, como o plantio de coco-anão, a erva mate, e inclusive a instalação de um experimento de pinhão-manso, produto que pode ser muito bem utilizado para a produção de biodiesel.

Os recursos

Conforme foi divulgado nessa quarta-feira, estarão presentes à solenidade de hoje o secretário de Desenvolvimento do Agronegócio e do Cooperativismo do Mapa, Márcio Portocarrero, e também o secretário de Defesa Sanitária do ministério, Gabriel Alves Maciel. Eles assinarão, com o superintendente Orlando Baez, os convênios que destinarão os recursos da seguinte forma: Prefeitura de Eldorado (R$ 314.475); de Iguatemi (R$ 275.725); Mundo Novo (R$ 162.500); Itaquiraí (R$ 320.408); Japorã (R$ 485.561,48). Para entidades que desenvolverão programas nesses cinco municípios, a distribuição prevê os seguintes recursos: Associação da Escola Familiar de Itaquiraí (R$ 160.267,35); Senai (R$ 199.889,70); Fundação MS (R$ 292.154,55); Copasul (R$ 193.712); Funar (R$ 920.422); Embrapa (R$ 274.984). E por fim, num programa novo do Mapa para identificar as potencialidades de regiões produtoras, o Agropolus, outros R$ 899.900.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink