Agronegócio

Renda do setor agropecuário cairá R$ 4,72 bi em 2006

PIB registra queda de 2,01% para agricultura e um recuo de 4,38% para a pecuária
Por: -redação
13 acessos

Projeções da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), em parceria com o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada da Universidade de São Paulo (Cepea/USP), com base em dados acumulados de janeiro a setembro, indicam que o Produto Interno Bruto do setor agropecuário reduzirá em R$ 4,72 bilhões, em 2006, caindo dos R$ 153,04 bilhões registrados em 2005, para R$ 148,32 bilhões, neste ano. Este resultado representará uma queda de 3,08% na renda dos produtores rurais brasileiros, em 2006, se mantidas as mesmas taxas de crescimento nos meses subseqüentes, até o final do ano. “Mais uma vez, a queda de renda do agronegócio se concentra na produção primária, isto é, dentro da porteira da fazenda”, afirma Ricardo Cotta, superintendente técnico da CNA.

As expectativas são de redução do PIB, em 2006, tanto para a pecuária como para a agricultura. O PIB da agricultura deverá somar R$ 83,45 bilhões, em 2006, com queda de 2,01% em relação ao valor de R$ 85,20 bilhões, no ano passado. Para a pecuária, a estimativa é de um recuo de 4,38% no PIB do segmento, caindo para R$ 64,87 bilhões, em 2006, frente aos R$ 67,84 bilhões, de 2005. Tais projeções baseadas no comportamento até setembro são muito influenciadas pelo desempenho desfavorável da pecuária, que ainda deverá apresentar alguma recuperação até dezembro.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink