República Dominicana habilita 28 plantas de aves
CI
Imagem: Divulgação
EXPORTAÇÃO

República Dominicana habilita 28 plantas de aves

Com isso país aumenta em sete vezes o número de habilitações
Por: -Eliza Maliszewski

O Ministério da Agricultura anunciou que a República Dominicana habilitou mais 28 plantas para exportação de carne de frango no Brasil. Com isso o número de liberações aumentou em sete vezes. Até então eram somente quatro plantas habilitadas.

As novas habilitações são de unidades da Cooperativa Lar e das empresas BRF e JBS (que já exportavam para este mercado), localizadas nos estados de Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso, Goiás, Distrito Federal e Bahia.  

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) comemorou a notícia.  “A República Dominicana é um mercado com o qual já trabalhamos a alguns anos e estas novas habilitações vêm para consolidar uma parceria importante entre os dois países. É seguramente um dos mercados mais promissores da região, que possibilitará ainda mais a diversificação das nossas exportações e deverá contribuir para a expansão dos resultados do setor em 2021”, analisa Ricardo Santin, Presidente da ABPA.

No país caribenho os avicultores sofrem com altos custos dos insumos. Em um ano os preços do milho e da soja aumentaram 41,4% e 40,8%, respectivamente, e impactaram em 70% os custos de produção. A produção local de frangos é em torno de 16 milhões de cabeças por mês.

O Brasil é o segundo maior produtor mundial de frango, atrás apenas dos Estados Unidos, mas é o primeiro do ranking em exportações. No ano passado vendeu 4,230 milhões de toneladas de carne de frango. O número de abates cresceu 3,3% e chegou a 6 bilhões de cabeças, novo recorde da série histórica.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink