Requião mantém apoio ao atual Código Florestal

Agronegócio

Requião mantém apoio ao atual Código Florestal

Apesar da necessidade de aumentar a produção, Requião disse que são conhecidas no mundo tragédias provocadas pelo desequilíbrio ecológico
Por:
598 acessos

O governador Roberto Requião (PMDB) manteve posicionamento contra alterações no atual Código Florestal. Ele já havia adotado essa postura na abertura da Exposição Agropecuária de Londrina, em abril, e ontem se disse irritado com o ministro da Agricultura Reinhold Stephanes que, apesar de ser seu amigo, é favorável às alterações no Código. Apesar da necessidade de aumentar a produção, Requião disse que são conhecidas no mundo tragédias provocadas pelo desequilíbrio ecológico.

"Acredito que o sucesso da agricultura no futuro está na preservação ambiental por meio do plantio direto e da preservação da biodiversidade", comentou o governador para completar: "podemos ter lucro momentâneo, mas será difícil ao "bicho homem" sobreviver no planeta Terra". Na sua avaliação, a agricultura precisa de financiamento público e abertura de novos mercados. "O Paraná sem cortar um "pé de pau" garante a segurança agrícola", afirmou.

A "segurança agrícola" pode chegar pela autossuficiência conquistada em fertilizantes, a partir da exploração de jazidas desativadas. Hoje o Brasil importa cerca de 70% de toda a demanda. Segundo o ministro da Agricultura Reinhold Stephanes, o País tem condições de ser autossuficiente na utilização de fertilizantes em dez anos. Há minas de potássio, fósforo - o Brasil, inclusive, detém o terceiro maior depósito do mundo - e nitrogenados (derivados do petróleo).

Durante a solenidade o agricultor Herbert Bartz, de Rolândia, foi homenageado devido à introdução do plantio direto no País. Cerca de 80% de toda soja cultivada no Brasil já seria por meio da prática.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink