Reunião técnica sobre a fruta, em Cuiabá


Agronegócio

Reunião técnica sobre a fruta, em Cuiabá

Por:
3 acessos

Descobrir variedades que possam sobreviver à Sigatoka Negra é apenas mais uma etapa árdua do processo de criação de novas mudas por parte dos técnicos. Mesmo provando em campo as vantagens e potenciais das variedades “Caipira, FHIA 1 e FHIA 18”, é necessário agradar ao paladar do consumidor, para que a produção seja incentivada.

Para aliar a necessidade de difusão das novas variedades, firmar novas parcerias para viabilizar a produção e provar o potencial das frutas melhoradas geneticamente, uma parceria da Empaer, Embrapa, Federação das Industrias do Estado de Mato Grosso (Fiemt), Univag e Sindicato Rural de Cuiabá, realiza no dia 28, na Fiemt, uma reunião técnica sobre Produção de Mudas de Bananeira – Propagação Rápida e “In vitro”.

O projeto de produção e difusão das mudas será apresentado junto ao produto que será objeto da reunião. Além da apresentação da banana “in natura”, produtos feito com a matéria-prima serão degustados, como banana-passa, banana em corte, bala de banana, farinha de banana (com alto valor protéico), biscoitos, compotas, geléias, mariolas e banana chips (salgadinha).

“Temos uma produção que cai a cada safra e apresenta baixa produtividade. Incentivar a produção dessas mudas e dar assistência técnica aos pequenos produtores é a melhor maneira de reverter este cenário”, aponta o diretor de pesquisa da Empaer, Antonimar Marinho dos Santos.

A produtividade dos bananais em Mato Grosso rende em média 5,6 mil kg/ha. Média que se comparada aos grandes produtores do Brasil, em Santa Catarina, Vale do Ribeira (SP), Petrolina (PE) e Vale do Açú (RN), que ficam em 20 a 25 toneladas por hectares.

“Com o incremento da produção a meta é voltar a atender ao mercado paulista e criar um padrão de qualidade para o mercado internacional”, argumenta Antonimar. (MP)


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink