Rondonópolis: bagaços e resíduos da soja lideram vendas ao exterior
CI
Agronegócio

Rondonópolis: bagaços e resíduos da soja lideram vendas ao exterior

O algodão debulhado foi o segundo mais vendido
Por:
Os bagaços e outros resíduos sólidos da extração do óleo de soja lideraram, neste ano, as vendas de Rondonópolis ao mercado exterior, atingindo US$ 511,9 milhões em negócios, o que corresponde a 56,3% do total atingindo entre janeiro a novembro, que foi de US$ 908,2 milhões.


O algodão debulhado foi o segundo mais vendido, com US$ 194,4 milhões (21,41%). Em seguida aparecem outros grãos de soja, incluindo triturados, com US$ 61,4 milhões. Óleo de soja bruto (US$ 55,3 milhões), óleo de soja refinado (US$ 25,4 milhões) e outras carnes de suínos (US$ 22 milhões) também aparecem na lista, composta por mais de 30 tipos de produtos.


Conforme os dados, de janeiro a novembro, a balança comercial de Rondonópolis somou US$ 908,2 milhões, 11,03% a mais que o mesmo período de 2010. Somente em novembro, foram US$ 109,9 milhões (alta de 57,36%). Os dados são do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.


Os países baixos (Holanda) foram os principais destinos, com negócios que atingem a casa de US$ 202,2 milhões. China aparece em seguida, com US$ 135 milhões e, Tailândia, com US$ 110,7 milhões. A relação tem ainda mais 27 países diferentes.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.