Rota do Café conquista prêmio nacional

Agronegócio

Rota do Café conquista prêmio nacional

Entrega acontecerá durante o Sexto Salão de Turismo Roteiros do Brasil, no dia 14 de julho, na cidade de São Paulo
Por:
1306 acessos
Entrega acontecerá durante o Sexto Salão de Turismo Roteiros do Brasil, no dia 14 de julho, na cidade de São Paulo

A Rota do Café, roteiro turístico histórico-cultural que engloba atrativos de 15 municípios do norte do Paraná, será destaque no 6° Salão de Turismo Roteiros do Brasil. O destino paranaense é um dos vencedores do Troféu Roteiros do Brasil e será premiado durante o evento, que acontece no Anhembi, em São Paulo, entre os dias 13 e 17 de julho.

A premiação, no dia 14 de julho, na capital paulista, é promovida pelo Ministério do Turismo e está na sua terceira edição. Ao todo, são nove casos de sucesso, experiências bem-sucedidas do setor no Brasil. Além do Paraná, serão premiados projetos de Minas Gerais, Pernambuco, Rio Grande do Sul e São Paulo.

Os vencedores do Troféu Roteiros do Brasil foram eleitos uma por banca examinadora composta por representantes do setor público, privado e universidades. A Rota do Café venceu na categoria “Roteiro Turístico”. Sérgio Garcia Ozório, consultor do Sebrae no Paraná em Londrina e gestor do projeto, explica que a banca examinadora avaliou quesitos como ações de articulação, capacitação, comunicação, promoção, comercialização e profissionalização.

“O reconhecimento do Ministério do Turismo mostra que estamos no caminho certo e que temos no Paraná um roteiro de peso e com diversidade de atrações. Por ter uma abrangência nacional, o Prêmio Troféu Roteiros do Brasil também será uma forma de divulgar a Rota do Café e atrair cada vez mais novos turistas”, diz Julio Cezar Agostini, diretor de Operações do Sebrae no estado.

Repercussão com empreendedores

Para os empreendedores que fazem parte da Rota do Café, o reconhecimento reflete o empenho e a dedicação do Sebrae, das demais entidades envolvidas no projeto e dos empresários que acreditaram na proposta de transformar a região em um destino turístico.

“O café está em evidência nos dias de hoje e soubemos aproveitar essa oportunidade, combinando o produto com o turismo”, salienta Marcelo Camargo, chefe do Restaurante O Brasiliano. Para Leonardo Florêncio da Silva Filho, proprietário da Artesano Agroindustrial, a premiação reflete na autoestima dos empreendedores e confere visibilidade ao projeto no circuito nacional do turismo.

A proprietária da Fazenda Palmeira, Cornélia Margot Gamerschlag, ficou surpresa com o prêmio, já que a Rota do Café é um produto relativamente novo – surgiu há cerca de dois anos - em comparação aos roteiros concorrentes. “O reconhecimento será mais um estímulo para que todos continuem investindo em melhorias nos seus empreendimentos", afirma.
 
(Com informações da ASN no Paraná)

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink