RS: cesta básica bate novo recorde e batata-inglesa é a grande vilã
CI
Imagem: Eliza Maliszewski
SANTA CRUZ

RS: cesta básica bate novo recorde e batata-inglesa é a grande vilã

A cesta acumula alta de 13,46% ao longo de 2020 e está 35,23% mais cara do que em novembro de 2019
Por:

Com uma alta que chegou a 69,1%, a batata-inglesa foi a principal responsável pela variação de 5,44% no preço da cesta básica nacional em Santa Cruz do Sul no último mês. Segundo levantamento do Centro de Estudos e Pesquisas Econômicas da Unisc, a cesta bateu um novo recorde no período de 8 de outubro a 4 de novembro: passou de R$ 454,84 para R$ 479,62, maior valor desde o início da série histórica, em 2004.

Com essa elevação de R$ 24,78, a cesta acumula alta de 13,46% ao longo de 2020 e está 35,23% mais cara do que em novembro de 2019, uma elevação da ordem de R$ 124,95.

Além da batata, que havia apresentado redução de preço no levantamento anterior, outros nove entre os 13 produtos pesquisados ficaram mais caros. A carne bovina e o tomate também tiveram contribuições significativas, enquanto a banana, o leite tipo C e a farinha de trigo ajudaram a segurar a disparada no preço.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink