RS: mais de 28 mil mudas de erva-mate serão subsidiadas pelo Município
CI
Imagem: Pixabay
AGRICULTURA

RS: mais de 28 mil mudas de erva-mate serão subsidiadas pelo Município

O objetivo é incentivar o reflorestamento dos ervais e a diversiade agrícola
Por:

Para incentivar o reflorestamento dos ervais e a diversidade agrícola, a Prefeitura de Venâncio Aires desenvolve um programa que oferece o custeio da metade do valor de mudas de erva-mate a produtores interessados. Neste ano, mais de 28 mil mudas serão disponibilizadas aos 38 produtores do município que se habilitaram para participar. O reflorestamento dos ervais contribui para o fortalecimento da cultura do alimento que é a matéria prima para produção da bebida símbolo do Rio Grande do Sul, e principalmente, fomenta o título de Capital Nacional do Chimarrão, atribuído a Venâncio Aires.

Um dos produtores é o seu Jânio Godoy, que destina quase sete hectares de terras em Linha Travessa para o cultivo da produção. Ao mesmo tempo que mantém pés de erva-mate centenários em suas terras, ele também planta novas mudas, com subsídio que o Município oferece. “A produção da erva-mate passou por períodos muito difíceis, com valores muito baixos pagos pelas empresas, depois baixa qualidade por causa de fatores climáticos e ainda perdas dos pés de erva, por causa da estiagem prolongada. A ajuda da Prefeitura é muito importante porque é um incentivo pra gente continuar nessa lida”, destaca. Godoy trabalha nos ervais há quase 40 anos, e lembra que foi o pai que o ensinou a cultivar o produto e a ser persistente na cultura. Hoje, ele conta com a ajuda do filho aos finais de semana, mas durante a semana, cuida dos trabalhos, sozinho. Na propriedade, é possível conhecer pés de erva-mate já centenários ainda produzindo, segundo Godoy, ao lado de mudas plantadas há algumas semanas.

Saiba mais informações sobre a erva-mate clicando aqui

“O seu Jânio é um produtor que não desistiu da erva-mate, se manteve ativo na produção mesmo nas safras em que o produto não esteve tão valorizado, foi aperfeiçoando suas técnicas e hoje tem uma lavoura muito linda e produtiva. Ele participa do programa de reflorestamento e neste ano já está fazendo o plantio das novas mudas, enquanto também inicia a colheita”, destaca o técnico da secretaria de Desenvolvimento Rural, Gerson Antoni, que coordena o programa. Os produtores de erva-mate recebem ainda orientação técnica da secretaria e da Emater.

Numa visita à propriedade, o secretário de Desenvolvimento Rural, Gilberto dos Santos, lembrou os avanços nas técnicas de cultivo da erva-mate, que permite ao produtor trabalhar o ano todo no cultivo. “Estamos em época de colheita da erva-mate e ao mesmo tempo vemos os produtores reflorestando a área com novos ervais. Isso faz a produção se tornar mais vantajosa para quem planta”, comemora Santos. Entre as técnicas, conforme explica o técnico agrícola Luís Antônio Marmitt, está o adensamento na hora do plantio, ou seja, a diminuição do espaçamento entre as mudas, resultando na possibilidade de uma produção maior.

O programa de reflorestamento com mudas de erva-mate tem inscrições abertas anualmente no primeiro semestre e contempla produtores do município que se inscreverem junto a secretaria de Desenvolvimento Rural e atenderem aos critérios necessários. Mais informações podem ser solicitadas através do telefone 2183-0668.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.