RS: Operação conjunta com a Receita Estadual combate adulteração no leite em três regiões
CI
Agronegócio

RS: Operação conjunta com a Receita Estadual combate adulteração no leite em três regiões

Por:
A operação denominada "Leite Compen$ado", ocorrida nesta quarta-feira (08), para desarticular esquema de adulteração no leite praticado principalmente em três regiões do Estado (Guaporé, Ibirubá e Horizontina), mobilizou efetivo da Receita Estadual (da Secretaria da Fazenda), Ministério Público e Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento, entre outros órgãos. A Receita disponibilizou 12 Agentes Fiscais do Tesouro do RS e três Turmas Volantes para os trabalhos.


O trabalho investigativo demonstrou o envolvimento de sete empresas, sendo a maioria transportadores de leite, que agem como intermediários entre os produtores e a indústria. Tem-se notícia que há a adição de compostos químicos (Ureia, Formol e Formaldeído) com água para aumentar o rendimento do leite, preservando assim o aspecto natural, porém causando graves danos a saúde pública. Os laudos de análises químicas comprovaram a adição de formol em quatro marcas de leite.


A Receita Estadual colaborou na troca de informações, durante a investigação, e agora busca identificar possíveis irregularidades tributárias cometidas pelas empresas envolvidas no esquema de adulteração. O subsecretário da Receita Estadual, Ricardo Neves Pereira, ressalta o compromisso de agir coercitivamente e em conjunto com outros órgãos, visando interromper graves danos à saúde da sociedade gaúcha. 

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.