RS destina mais de mil t de embalagens vazias de defensivos agrícolas
CI
Agronegócio

RS destina mais de mil t de embalagens vazias de defensivos agrícolas

Quantidade de embalagens retiradas do campo, pelo Sistema Campo Limpo, é 12% maior que a do mesmo período de 2012
Por:
Em crescente desempenho, o Sistema Campo Limpo (logística reversa de embalagens vazias de defensivos agrícolas), formado por agricultores, fabricantes - estes representados pelo Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (inpEV)-, canais de distribuição e com apoio do poder público, encaminhou para o destino ambientalmente correto, entre janeiro e abril, 1.289 toneladas de embalagens vazias de defensivos agrícolas no Rio Grande do Sul. A quantidade é 12% maior, se comparado o mesmo período do ano passado. O estado tem importante representatividade no cenário brasileiro de destinação das embalagens, respondendo por 10% do total no Brasil.

 
De acordo com o estudo realizado pelo inpEV, nos quatro primeiros meses de 2013, já foram retiradas do meio ambiente mais de 13 mil toneladas do material em todo o país. Resultado 6% maior do que o índice obtido no ano anterior.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.