Soja

RTRS certifica 290 mil toneladas de soja de produtores de Goiás

RTRS entregou o certificado de produção sustentável para os Grupos IV e Comigo, ambos compostos por produtores rurais do estado de Goiás
Por:
362 acessos

A Associação Internacional de Soja Responsável (RTRS) entregou o certificado de produção sustentável para os Grupos IV e Comigo, ambos compostos por produtores rurais do estado de Goiás. Ao todo, foram certificados 49 produtores e 72.667 hectares, o que totaliza 290.742 toneladas de soja.  O certificado foi entregue no início de abril em uma solenidade em Rio Verde-GO.

O documento comprova que as propriedades atendem às demandas e tendências do mercado e da sociedade por um produto diferenciado, fazendo com que todo processo tenha o menor impacto socioambiental possível, assegurando melhores resultados financeiros ao produtor e possibilitando melhorias na gestão da propriedade e nas práticas agrícolas, minimizando riscos de incidentes, de multas e de autuações por parte dos órgãos ambientais e trabalhistas.

Para a produtora Valquíria Alonso Pereira, da Fazenda Monte Alegre Pindaíbas, do Grupo IV, a certificação tem sido de extrema importância. “Buscamos cuidar da natureza para a manutenção do nosso ecossistema e a equipe da Aliança da Terra, gestora do nosso grupo, nos proporciona um feedback extremamente eficiente sobre as ações que realizamos. Estamos muito felizes em fazer parte dessa iniciativa que oferece um caminho para uma produção mais responsável e vai ao encontro dos anseios do mercado”, garante.

Já o produtor Ricardo Vian, da Fazenda São Tomaz, do Grupo Comigo, diz que a certificação auxilia a gestão em diversas questões no quesito ambiental, social e econômico. “O programa de certificação nos ajudou muito na questão de profissionalização de funcionários, qualificação da fazenda, orientação no armazenamento e descarte de defensivos, entre outros vários benefícios. Estamos satisfeitos e esperamos manter essa parceria com a Aliança da Terra e a certificação RTRS”, observa.

O padrão RTRS é uma importante ferramenta para que o produtor tenha maior rentabilidade e expansão dos seus negócios e para que as exportações de soja de qualidade cresçam exponencialmente em um mercado internacional que é cada vez mais exigente sobre a qualidade dos produtos que adquire.

“Os produtores dos Grupos IV e Comigo assumiram o compromisso de produzir e preservar. E esse é o intuito da RTRS, fazer com que a cada ano mais fazendas sejam certificadas, além de engajar produtores a terem responsabilidade social e ambiental”, comenta o Consultor Externo da RTRS, Cid Sanches.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink