RTRS promove Força Tarefa Brasil para discutir a sustentabilidade na produção agrícola

Agronegócio

RTRS promove Força Tarefa Brasil para discutir a sustentabilidade na produção agrícola

O objetivo do encontro foi consolidar a Força Tarefa Brasil, um grupo de trabalho voluntário, com participação de atores da cadeia da soja.
Por:
447 acessos

cA Força Tarefa Brasil da RTRS é um espaço de trabalho e colaboração que reúne membros da associação, incentivando o trabalho do mercado global e contribuindo para a construção de políticas públicas, difundindo informação aos produtores e consumidores, fortalecendo assim, o mercado para a soja responsável.

“Esse grupo irá acompanhar e auxiliar o trabalho da RTRS no Brasil, tanto em relação aos produtores certificados, quanto em inserção de novos membros. Serão momentos para discutir grandes temas e intensificar a produção de soja responsável no país. Mobilizamos diversos setores interessados em participar do processo da associação e assim, contribuiremos para atender a crescente demanda mundial por alimento”, comenta o Consultor Externo da RTRS no Brasil, Cid Sanches.

Para Oswaldo Carvalho, membro do Comitê Executivo da RTRS, a união de diferentes áreas da cadeia de valor da soja com interesses diversos, mas com um objetivo comum são essenciais para garantir o diálogo e a tomada de decisão por consenso. “A certificação é responsável por conscientizar os produtores a produzir com sustentabilidade e trabalhar com o tripé ambiental, social e econômico por meio do Padrão RTRS, aplicável mundialmente”, destaca.

Segundo Gisela Introvini, da Fundação FAPCEN, as propriedades tendem a reproduzir a tecnologia uma das outras. “A RTRS abriu um caminho de forma fabulosa para nos mostrar a importância da produção de soja sustentável. Os produtores brasileiros ganharam ainda mais espaço e relevância no mercado internacional”, pontua.

Plataforma de diálogo

É parte do desafio da RTRS trabalhar para se consolidar como uma mesa redonda e ser reconhecida como fórum de diálogo que inclua e integre múltiplos atores, como produtores, indústria, sociedade civil, governo e entidades financeiras com objetivo de trocar experiências, identificar necessidades e construir conjuntamente soluções e ações concretas

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink