Rússia não reduzirá exportações de trigo

NEGOCIAÇÕES

Rússia não reduzirá exportações de trigo

O Ministério da Agricultura russo realizou uma reunião para definir o tema
Por: -Leonardo Gottems
153 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente

O Ministério da Agricultura da Rússia disse em comunicado que que não vê a necessidade para impor um imposto sobre a exportação ou para reduzir as exportações de grãos. Na semana passada, ocorreram boatos sobre o desejo do governo russo de frear as exportações de trigo em 2018/2019. 

De acordo com informações divulgadas pelo portal World-Grain.com, a especulação levou a um aumento nos preços do trigo na semana passada, mas o anúncio de segunda-feira (03.09) fez com que os futuros de trigo caíssem na Bolsa de Chicago. Por esse motivo o Ministério da Agricultura russo realizou uma reunião esta semana para esclarecer esse ponto e emitir um comunicado oficial sobre o tema. 

Nesse cenário, a safra de trigo de 2018/2019 da Rússia está prevista em 68 milhões de toneladas pelo USDA, bem abaixo do recorde do ano passado de 85 milhões de toneladas. Assim, o clima seco e a possibilidade de uma safra ruim acabaram dando sustentação para as especulações e criando uma certa insegurança entre os compradores, empresas e os próprios agricultores do país. 

Segundo informações divulgadas pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), é possível que as exportações de trigo da Rússia caiam de um recorde de 42 milhões de toneladas em 2017/2018 para 35 milhões de toneladas em 2018/2019. No entanto, segundo o governo russo, isso não justifica uma taxação sobre os produtos e nem uma redução drástica nas vendas, visto que a colheita não se encerrou no país e ainda não as sabe, exatamente, quais serão os efeitos do clima em cima da cultura do trigo neste e no próximo clico. 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink